Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Brave Browser: função permite que usuários que visualizarem anúncios no navegador ganhem 70% do valor em criptomoeda

Brave Browser: função permite que usuários que visualizarem anúncios no navegador ganhem 70% do valor em criptomoeda

brave criptomoeda anuncio

O navegador Brave, focado em segurança e privacidade online, lançou um recurso que permite que o usuário escolha visualizar anúncios publicitários em troca de 70% da receita dos anúncios em criptomoeda, a novidade foi anunciada pela empresa na última quarta-feira (24). 

Ao ser ativada pelo usuário, a função Brave Ads exibirá anúncios em formato de notificações que, quando clicadas, abrem o anúncio em uma nova guia em troca da criptomoeda da empresa, a Basic Attention Tokens (BAT), baseada na Ethereum. 

A quantidade de propaganda a ser recebida pelo usuário pode ser configurada enquanto ele navega pela Internet.  

Aqueles que optarem por visualizar os anúncios ganham 70% do lucro, enquanto o Brave recebe 30%. 

Todo mês, os usuários recebem sua recompensa em BAT, e podem usá-la para dar suporte aos sites mais visitados ou seus criadores de conteúdo preferidos. 

A empresa anunciou que em breve os tokens poderão ser usados para uso pessoal, como hospedagem, cupom de restaurante e vale-presente.  

Outro detalhe interessante é que, futuramente, a criptomoeda poderá ser convertida na moeda local do usuário. 

O recurso está disponível na última versão do navegador, para mcOS, Windows e Linux. A função está acessível nos Estados Unidos, Canadá, França, Alemanha e Reino Unido, mas a previsão é que em breve ela seja lançada em outros países. 

Nos próximos meses a ferramenta também deve ser adicionada ao aplicativo da empresa para Android e iPhone(iOS). 

Para visualizar o Brave Ads, o usuário precisa ativar o Brave Rewards, sistema para recompensar os sites mais acessados pelo usuário. Depois, é só ir para a aba de Configurações, onde a opção estará disponível. 

Brave Browser

Brave é um navegador livre e de código aberto. Focado em privacidade e segurança online, o navegador bloqueia anúncios e rastreadores de sites.  

As informações ficam armazenadas apenas no aparelho usado pelo usuário, dessa maneira, a empresa garante que o novo recurso não coleta ou compartilha os dados pessoais de internautas para anunciantes nem para a própria empresa. 

Leia também: 5 criptomoedas que mais valorizaram em 2019 (até agora)

 

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias