Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Top 5 criptomoedas que mais se desvalorizaram em 2019 (até agora)​

Top 5 criptomoedas que mais se desvalorizaram em 2019 (até agora)​

criptomoedas desvalorização preço 2019

Recentemente, o Criptonizando listou as 5 criptomoedas que mais valorizaram em 2019 (até agora). Dessa vez, vamos falar sobre as criptomoedas que mais desvalorizaram neste ano, de acordo com o top 50. 

Moedas que estão há pouco tempo no mercado foram excluídas da lista, já que não podem gerar uma estatística segura.

5. Zilliqa (ZIL)

Zilliqa é um projeto de criptomoeda que visa tornar as blockchains mais rápidas e mais escaláveis. É a primeira criptomoeda a implementar com sucesso a tecnologia de sharding.

Essa tecnologia é usada para simplificar o processo de consenso, para que o Ethereum e outras blockchains possam hospedar aplicativos distribuídos ou fornecer processamento rápido de transações com êxito. 

A moeda teve uma queda de 15.72% em 2019 até agora, sendo negociada por US$ 0.016741 até o momento da publicação. 

4. Lumens (XLM)

Lumens Estelares XLM desvalorização

Criptomoeda nativa da exchange Stellar, cujo criador é Jed McCaleb, um dos fundadores da Ripple 

A XLM apresenta funções similares a XRP, com rapidez e baixo custo nas transações. No entanto, a XLM promete maior descentralização e uma tecnologia voltada mais para o uso cotidiano.

A moeda teve uma queda de 16.17% em 2019 até agora, sendo negociada por US$ 0.096541 até o momento da publicação. 

3. Ripple (XRP)

Em terceiro lugar, a XRP da Ripple, cujo motivo principal da queda seria a própria empresa, devido à redução no patrocínio do xRapid, serviço de pagamento da Ripple, que usa o XRP como seu token para facilitar o pagamento. 

A moeda teve uma queda de 17,99% em 2019 até agora, sendo negociada por US$ 0.294942 até o momento da publicação. 

2. Waves

waves desvalorização

Waves é uma criptomoeda nativa da plataforma blockchain de mesmo nome. A plataforma, lançada em 2016, permite que qualquer pessoa crie ativos digitais com rapidez e facilidade, sem precisar de programação de smart contract. 

A moeda teve uma queda de 34.01% em 2019 até agora, sendo negociada por US$ 2,05 até o momento da publicação. 

1. Bitcoin SV (BSV)

A BSV já começou o ano em queda. A criptomoeda teve um rápido aumento no início de abril, até o anúncio da Binance de que iria retirar a moeda de sua lista. Outras exchanges seguiram o exemplo, e o preço do Bitcoin SV despencou.  

A moeda teve uma queda de 37.50% em 2019 até agora, sendo negociada por US$ 55,42 até o momento da publicação. 

Leia também: 8 documentários para entender melhor Bitcoin e blockchain

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias