Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Banco Central quer dominar blockchain para modernizar o Sistema Financeiro Nacional

Banco Central quer dominar blockchain para modernizar o Sistema Financeiro Nacional

Banco Central do Brasil blockchain

Durante pronunciamento, Roberto Oliveira Campos Neto, presidente do Banco Central do Brasil (BC), argumentou que para modernizar o Sistema Financeiro Nacional (FNC), o BC deve dominar a blockchain, entre outras tecnologias. 

O discurso aconteceu na quinta-feira (16), durante uma audiência pública conjunta.

Senadores e deputados federais puderam acompanhar planejamentos para a modernização da economia brasileira, informou o LiveCoins. 

O presidente do BC apresentou uma conjuntura econômica sobre as dificuldades do sistema financeiro do Brasil para os membros da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO). 

Campos Neto argumentou que, para modernizar o SFN, é fundamental simplificar e desburocratizar o acesso aos mercados financeiros para todos. 

Ele disse também que é preciso dar um tratamento homogêneo ao capital, independentemente de sua nacionalidade ou se provém de um grande ou de um pequeno investidor. 

Em seu discurso, ele enfatizou a importância da blockchain e de outras tecnologias, como serviços de nuvem, inteligência artificial e digitalização para que essa modernização possa acontecer.

“Essa mudança tecnológica significa: democratizar; digitalizar; desburocratizar; e desmonetizar”, diz o documento. 

De acordo com o presidente do BC, essas mudanças têm como ponto de partida “promover um amplo processo de democratização financeira, levando a um maior o crescimento do PIB e reduzir a necessidade de financiamento do Governo abrindo espaço para o investimento privado”.

“Estou convicto de que, com os esforços e a colaboração de todos, o BC e seu excelente corpo funcional poderão contribuir para o desenho de um país melhor, fundado no livre mercado. “

Roberto Oliveira Campos Neto
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias

Mais Lidas