Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Idosa minera Bitcoin, leva prejuízo e ainda é presa por roubar eletricidade

Idosa minera Bitcoin, leva prejuízo e ainda é presa por roubar eletricidade

idosa mineração bitcoin

Embora criptomoedas aparentemente tenham maior popularidade entre pessoas mais jovens, os idosos também estão ligados nesse universo. 

Na China, uma idosa de 61 anos foi presa por roubar energia para mineração de Bitcoin (BTC) e recebeu uma multa no valor de 10.000 yuans (cerca de R$ 1.450).

 

De acordo com o China Judgements Online, a senhora também teve seus equipamentos confiscados pela polícia e foi condenada a cobrir os custos de eletricidade acumulados durante todo o período em que praticou a mineração roubando energia. 

A prática ocorreu de janeiro a outubro de 2018, quando Chang Guifeng, moradora de Tangshan, uma cidade na província de Hebeino norte da China, usou a eletricidade roubada para abastecer quatro plataformas de mineração de Bitcoin. 

Segundo as autoridades, a idosa conseguiu minerar o equivalente a mais de 6.500 yuans (US$ 940). No entanto, o custo de energia acumulado foi muito maior, 9.000 yuans (US$ 1.300). 

Em agosto do ano passado, um idoso na província de Shanxi foi preso por roubar energia de cabos que abasteciam uma linha férrea chinesa. 

O homem usava a energia para o abastecimento de cerca de 50 equipamentos de mineração. 

Leia também: Funcionário do governo Australiano é pego minerando criptomoedas com equipamento público

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias

Mais Lidas