Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

InDeal: Sócios são levados para depor em Porto Alegre

InDeal: Sócios são levados para depor em Porto Alegre

pf indeal bitcoin

As autoridades moveram do sistema prisional os cinco sócios da Indeal na quarta-feira (29), para a Delegacia de Combate a Crimes Financeiros (Delecor) da Polícia Federal em Porto Alegre, para que pudessem depor. 

No entanto, Ângelo Ventura da Silva, Daniel Lima de Freitas, Marcos Antônio Fagundes, Régis Lippert Fernandes e Tassia Fernanda da Paz se mantiveram calados durante todo o tempo, de acordo com informações do GauchaZH. 

 

Caso da InDeal, entenda

Caso da InDeal, entenda

No dia 21 de maio, a PF cumpriu 10 mandados de prisão, onde os cinco sócios da Indeal e outros cinco envolvidos no esquema de pirâmide financeira da empresa foram levados sob custódia. 

pf indeal

A Receita Federal agiu em conjunto com a PF na Operação Egypto, que também cumpriu 25 mandados de busca e apreensão em cinco cidades gaúchas e em Santa Catarina e São Paulo. 

O objetivo era desmantelar o esquema que lesou mais de 55 mil pessoas e pode ter movido mais de R$ 1 bilhão, de acordo com um auditor da Receita. 

A InDeal prometia lucros de 15% ao mês, alegando que o retorno viria de aplicações em criptomoedas.

No entanto, a maior parte dos investimentos eram aplicados em investimentos tradicionais, como renda fixa, que gera cerca de 1% e 2% de lucro mensal. 

Segundo as autoridades, a empresa atuava em 26 estados do Brasil, com exceção de Roraima, e deixou um rombo de 300 milhões. 

Além disso, foi identificado o uso indevido de investimentos para aquisição de mansões, veículos de luxo e joias. 

De acordo com Eduardo Dalmolin Bollis, delegado responsável pelo caso, em menos de um ano, os cinco sócios e outros envolvidos com a empresa tiveram um aumento escandaloso de seu patrimônio, indo “de menos de R$ 100 mil para mais de R$ 30 milhões”. 

Clientes se manifestam a favor da empresa

Clientes se manifestam a favor da empresa

Então por que a Dogecoin pode ser um grande investimento?

Em meio ao escândalo com a exposição do esquema da InDeal, alguns clientes da pirâmide resolveram fazer uma manifestação pública em favor da empresa, publicou o LiveCoins na terça-feira (28). 

Na descrição, os apoiadores da empresa afirmam que nunca tiveram “nenhum problema de qualquer natureza com relação ao serviço da inDeal”. 

indeal pirâmide bitcoin

Leia também: PF e Ministério público querem restituir investidores lesados na pirâmide financeira InDeal

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias

Mais Lidas