Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Homem é preso por roubar eletricidade de plataforma de petróleo para minerar Bitcoin

Homem é preso por roubar eletricidade de plataforma de petróleo para minerar Bitcoin

mineração bitcoin china

Na China, um homem foi preso por roubar eletricidade de um poço de petróleo para abastecer sua plataforma de mineração de Bitcoin. 

A polícia recebeu uma chamada de Daqing Oilfield, um campo petrolífero no distrito de Haerken, Tsitsihar, na China, em 28 de maio, alegando que uma mineradora de Bitcoin estaria roubando eletricidade da empresa para abastecer a plataforma de mineração. 

 

Para confirmar o crime, a polícia realizou uma inspeção aérea utilizando um drone que cobriu uma área de 2km, antes de prender o responsável, chamado Li, segundo informações do jornal local. 

Foi aí que descobriram um pequeno depósito de ferro com 20 máquinas de mineração de bitcoin no local. 

O depósito pertence à Li, que passou um cabo de eletricidade de 5cm de diâmetro através de tanques de peixes para roubar a eletricidade do campo de petróleo que fica a 200 metros dos tanques. 

Foi confirmado que o cabo estava conectado à fonte de eletricidade do poço de petróleo, e o prejuízo causado para a empresa equivale a 48.560 yuanes (cerca de R$ 27 mil). 

As autoridades ainda estão investigando o caso, portanto, não está claro se Li vai pagar pelos danos causados ou será cobrado por roubo. 

China pretende banir mineração de criptomoedas

China pretende banir mineração de criptomoedas

china mineração bitcoin

A China é considerada o maior mercado mundial de hardware de computadores especificamente projetados para mineração de criptomoedas, principalmente o Bitcoin.  

No entanto, em abril, a mineração de criptomoedas foi colocada em uma lista de indústrias que a principal entidade de planejamento econômico da China pretende eliminar. 

Atualmente, a maioria das empresas de mineração recebem subsídios ou outros benefícios, como desconto na energia elétrica.  

Caso a decisão seja aprovada, os governos locais da China seriam proibidos de subsidiar os mineradores de Bitcoin e outras criptomoedas.

Isso os levaria a encerrar suas atividades no país devido ao alto gasto com consumo de energia elétrica. 

Leia também: Empresário chinês comete suicídio após perder mais de R$ 61 milhões em BTC

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias

Mais Lidas