Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O que desencadeou a queda de 30% do Bitcoin na última semana?

O que desencadeou a queda de 30% do Bitcoin na última semana?

bitcoin criptomoedas queda preço

Todo o mercado das criptomoedas vem sofrendo uma queda desde o dia 10 de julho. O Bitcoin, que estava em US$ 13.200, agora está sendo negociado por US$ 9.500 nesta quarta-feira (17).

 

bitcoin queda preço criptomoedas

 

Exchanges de criptomoedas estão reportando uma alta taxa de retiradas de capital de Bitcoin, e bolsas de criptomoedas como a Coinbase estão registrando uma queda de 26,6% no período de uma semana. Mas o que causou esse recuo?

Os investidores começaram a vender muito mais os seus bitcoins depois que a moeda caiu abaixo dos principais níveis de suporte em US$ 11.000 e depois US$ 10.700.

Correção de 80% 

Correção de 80% 

Na tarde de ontem, o Bitcoin caiu de US$ 10.500 para menos de US$ 9.500 em poucos minutos, deixando muitos investidores assustados. 

Mas isso teria relação com uma previsão feita pelo famoso trader Peter Brandt, que disse no Twitter que o valor de mercado do Bitcoin poderia ser corrigido em 80%. 

Segundo ele, “se a atual fase parabólica for violada, poderíamos esperar uma correção de 80% do avanço de 7 meses ou uma correção muito menor com a definição de nova parábola com inclinação mais rasas.”

Declarações de Trump

Declarações de Trump

Para o analista de mercados globais, Alex Krüger, as críticas feitas ao Bitcoin por Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, e por Steve Mnuchin, secretário do Tesouro, foram um dos principais fatores para a queda.

O presidente afirmou que o Bitcoin é um ativo especulativo explorado para sustentar bilhões de dólares de atividade ilícita, além de dizer que a moeda é lastreada no ar.

Mnuchin, por sua vez, citou argumentos como os de Trump, e afirmou: “Esta é realmente uma questão de segurança nacional. 

Pensando nessas declarações, Krüger afirmou:

“Infelizmente, a maioria dos políticos norte-americanos parece convencida de que as criptomoedas são o reino da lavagem de dinheiro e do tráfico de drogas. Isso precisa mudar. Eu aposto que as pessoas usam Paypal ou Venmo mais do que bitcoin para pagar por atividades ilícitas. Aposto também que a maioria dos criminosos nem sabe o que é monero, mas todos ouviram falar do dólar. Infelizmente, a percepção supera os fatos”, disse o analista.

Por outro lado, alguns executivos do setor deram declarações sobre o assunto, dizendo que as menções de Trump e Mnuchin às criptomoedas, embora negativas, podem ser algo bom para o mercado, já que colocou o Bitcoin em evidência. 

"Nunca imaginei que eu estaria assistindo o secretário do Tesouro dos Estados Unidos realizar uma coletiva de imprensa da Casa Branca sobre bitcoin e criptomoedas tão cedo."

CEO do Digital Currency Group, Barry Silbert

Mineração

Mineração

Brian Kelly, CEO da BKCM, disse à CNBC que conversou com muitos mineradores que confirmaram ter garantido capital suficiente para sustentar suas operações por mais 12 meses.

A iniciativa visa o halving do Bitcoin, que deve acontecer em maio do ano que vem e diminuir pela metade a recompensa por bloco minerado, levando a um aumento na valorização da moeda.

A influência na queda do valor agora, no entanto, seria devido ao fato de que, para garantir este capital, os mineradores venderam muitos bitcoins, explicou Kelly.

“Eu conversei com muitos mineradores ao redor do mundo, muitos deles disseram que venderam bitcoins suficientes para nos levar até o próximo ano."

CEO do Digital Currency Group, Barry Silbert

Libra

Libra

O anúncio do Facebook a respeito do desenvolvimento de sua criptomoeda, Libra, inicialmente animou o mercado.  

No entanto, a determinação do governo dos Estados Unidos em suspender o desenvolvimento da moeda, devido a preocupações com privacidade, segurança nacional e política monetária, também pode ter influenciado na queda do Bitcoin e outras criptomoedas. 

Leia também: Empresa acusada de pirâmide financeira muda de nome

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas