Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Golpistas estão tentando enganar clientes do Bitcoin Banco, entenda

Golpistas estão tentando enganar clientes do Bitcoin Banco, entenda

golpe bitcoin banco criptomoedas bitcoin

O Grupo Bitcoin Banco alertou na quarta-feira (17), sobre um novo golpe onde indivíduos estão se passando por colaboradores e prometendo agilizar o procedimento de saques dos usuários nas plataformas da companhia. 

 

O comunicado foi dado através da conta da exchange de criptomoedas NegocieCoins no Twitter, que afirmou que não há priorização de saques.

“Nossas operações são realizadas por um departamento isolado e são 100% auditadas por uma equipe independente antes da efetivação.”

Segundo o grupo, em alguns casos, os golpistas estão usando identidades falsas dos colaboradores da companhia. Muitos clientes podem ter caído na fraude. 

A situação de saques continua difícil para os usuários das empresas ligadas ao Bitcoin Banco.

Embora o grupo tenha apresentado algumas alternativas para ressarcir os clientes, muitos declaram no ReclameAqui que mesmo essas soluções apresentam problemas. 

Os usuários da empresa receberam um alerta no início do mês, dizendo que o GBB sofreu uma suposta invasão na ferramenta utilizada para o envio de e-mail de marketing, o que resultou no envio de conteúdo falso usando seu endereço @btc-banco.com. 

O grupo pediu para que os clientes não efetuassem transferências para as carteiras indicadas nos e-mails, afirmando que não é de sua política a solicitação de depósitos através de spam.

Na semana passada, o fundador da empresa, Cláudio Oliveira, foi retirado da presidência.

Quem ocupa o cargo agora é o antigo Diretor Administrativo e Gestor de Risco do grupo, Johnny Pablo Santos. No entanto, Oliveira ainda é sócio do grupo.

Leia também: PF pede ajuda de hackers em investigação contra Indeal, Unick Forex, FX Trading e outras empresas

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas