Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Caso Sergio Moro: PF apura se ações dos Hackers foram pagas com Bitcoin

Caso Sergio Moro: PF apura se ações dos Hackers foram pagas com Bitcoin

Por J.S.

traficante dark web bitcoin

Conforme relatado no Estadão, os investigadores da Polcia Federal estão cruzando as informações encontradas nos celulares e computadores apreendidos na Operação Spoofing com corretoras de criptomoedas com o intuito de checar de existe uma relação entre o dinheiro encontrado com a venda das mensagens.

A operação Spoofing (expressão relativa a um tipo de falsificação) começou há algumas semanas e procura investigar o hack que atingiu os celulares do ministro da Justiça Sergio Moro e do coordenador da forçã-tarefa da Lava Jato, o procurador Deltan Dallagnol.

 

Um dos presos, Walter Delgatti Neto, afirmou em seu depoimento à Polícia Federal que não recebeu pagamento para repassar as mensagens hackeadas para o jornalista Glenn Greenwald, cofundador do site The Intercept Brasil.

Conforme relatado, as investigações sobre o rastro do dinheiro começaram antes mesmo dos mandados de prisões, com um pedido feito pela Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) das informações feitas à algumas exchanges, tal como a FoxBit, a Braziliex e o Mercado Bitcoin.

De acordo com uma fonte do Estadão, o objetivo é cruzar as contas de criptomoedas achadas nos computadores e celulares dos investigados e, com a ajuda da Blockchain, procurar por pistas e ver se tem alguma relação com a possível venda das mensagnes.

O João Canhada, CEO da FoxBit, não quis comentar o caso por ter “segredo de Justiça”, já o CEO do Mercado Bitcoin, Marcos Alves, comentou que as operações atípicas feitas no Mercado Bitcoin são relatadas para o Coaf e para a Receita Federal.

“Seguimos padrões de compliance como as principais bolsas do mundo. Qualquer tipo de operação suspeita é relatada às autoridades. Dentro do mercado de criptomoeda há sistemas que funcionam como uma espécie de Serasa que alertam para eventuais riscos nas operações”

Leia também: Começa amanhã: Todas as operações realizadas com criptomoedas devem ser informadas à Receita Federal, saiba como

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas