Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Justiça não encontra dinheiro nas contas da NegocieCoins e mais de 20 mil clientes são afetados

Justiça não encontra dinheiro nas contas da NegocieCoins e mais de 20 mil clientes são afetados

Por J.S.

claudio oliveira bitcoin banco criptomoedas bitcoin

A empresa do Grupo Bitcoin Banco, NegocieCoins, não cumpriu os acordos feitos e a justiça não encontrou dinheiro em suas contas bancárias, além disso, foi estimado que cerca de 20 mil usuários foram afetados, como foi reportado no Jornal Folha de São Paulo.

 

A NegocieCoins foi considerada a segunda maior exchange do mundo e a maior em volume de operações em abril, de acordo com o CoinMarketCap.  A empresa tem sido alvo de centenas de processos desde junho e, de acordo com a Folha de São Paulo, a Justiça não tem encontrado nenhum dinheiro na conta da exchange e os clientes vem tentando sacar, em vão,  as quantias investidas.

Além disso, a empresa também não tem fundos disponíveis em suas contas bancarias para ressarcir seus clientes, como a Polícia relatou. A NegocieCoins tem cerca de 200 ações na Justiça em que os valores variam entre R$ 10 mil a R$ 12 milhões.

Uma das ações contra a empresa é a da Work Consultoria, em que foi determinada o pagamento de R$ 12 milhões relativos a uma dívida não paga no valor original de R$ 39,2 milhões, que diminuiu após o acordo para o pagamento imediato, mas que não foi cumprida pelo grupo Bitcoin Banco. O CEO da Work Consultoria disse:

“Após o vencimento [da confissão de dívida] e o não cumprimento do compromisso, todas as nossas tentativas de contato com a empresa foram em vão. Eles simplesmente sumiram.”

Em outro processo, no Paraná (que tem o maior número de processos contra a empresa, com um total de 154 ações), o juiz determinou o bloqueio de R$ 6 milhões das contas da empresa do Bitcoin Banco, mas só foram encontrados R$ 130 mil em caixa. Nos processos seguintes, só foram encontrados R$ 2.000 e, na terceira execução, R$ 424.

A NegocieCoins não quis comentar sobre o caso.

Leia também: Confira as 5 criptomoedas mais valorizadas da semana

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas