Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Cuidado: Criminosos se passam por corretora brasileira para roubar criptomoedas

Cuidado: Criminosos se passam por corretora brasileira para roubar criptomoedas

mercado bitcoin phishing criptomoedas golpe

Golpistas estão se passando pela corretora brasileira de criptomoedas Mercado Bitcoin para aplicar golpes de phishing.

Uma publicação do Portal do Bitcoin nesta segunda-feira (16), relata uma tentativa frustrada de um criminoso que tentou se passar por um ‘gerente virtual’ da Mercado Bitcoin.

 

Na imagem, compartilhada em um grupo privado do Telegram, a mensagem enviada pelo golpista diz que a corretora notou diversas tentativas de acesso a conta do usuário, e pede que este “faça a atualização de suas chaves criptográficas com urgência”.

Segundo o texto, o problema estaria ocorrendo devido a um “Bot (robô) mal-intencionado”, e indica um endereço com o nome da corretora para fazer a suposta atualização.

O endereço, na verdade, trata-se de um link falso que provavelmente dará acesso às informações pessoais do usuário. 

“O Procedimento é muito rápido, basta o senhor fazer o acesso através do seu dispositivo usual”, escreveu o criminoso.

No entanto, não foi dessa vez que o golpista fez uma vítima. Em resposta à tentativa de golpe ‘gerente virtual’, o usuário respondeu:

“Nossa, que perigo. Mas vou deixar desprotegido mesmo, vai que o hacker fica com dó da minha situação e me ajuda”.

Phishing 

Phishing 

Phishing é uma técnica de fraude online utilizada por criminosos para enganar as vítimas e roubar seus dados pessoais e financeiros, como senhas, números de cartões de crédito e contas bancárias.

Para evitar este tipo de golpe, é primordial nunca acessar links desconhecidos de mensagens não solicitadas e sempre conferir se a URL do website é legítima.

Normalmente, o link enviado pelo golpista pode parecer legítimo, mas costuma ter erros de grafia ou domínios diferentes.

Resposta da corretora 

Resposta da corretora 

A assessoria de imprensa do Mercado Bitcoin disse ao Portal que a empresa não identificou qualquer cliente atingido e que monitora as tentativas dessa natureza 24 horas por dia. 

A corretora pede que qualquer mensagem de remetentes que não sejam dos endereços oficiais da corretora seja descartada e reportada por meio do link de suporte ou pelo e-mail compliance@mercadobitcoin.com.br 

Os perfis oficiais da empresa são: 

E-mail: 

Leia também: Unick: Marcos Prata diz que empresa é vítima de perseguição ‘assim como Bolsonaro’

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas