Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Exército Americano quer especialistas em Blockchain para rastrear Bitcoin em tempo real

Exército Americano quer especialistas em Blockchain para rastrear Bitcoin em tempo real

O Comando de Contratação do Exército dos Estados Unidos (ACC) de Nova Jersey emitiu um aviso de pré-solicitação para os prestadores de serviços de investigação de criptomoedas.

De acordo com o ACC, a solução de análise de criptomoeda está sendo procurada pelo Comando de Investigação Criminal do Exército dos EUA (USACIDC) para uso em investigações criminais e outras missões.

 

O aviso descreve que o contratado deve fornecer um serviço online baseado em nuvem – não depende de hardware ou software – que pode ajudar na identificação e perseguição de atores que usam criptomoedas para fins ilícitos, como fraude, extorsão e lavagem de dinheiro.

O contratado deve fornecer a fonte das transações com criptomoedas, com a capacidade de oferecer análise de Bitcoin (BTC) e outras principais criptomoedas.

Outros requisitos incluem o fornecimento de “rastreamento de transações em tempo real com Bitcoin e outras criptomoedas”, incluindo atribuição e identificação de serviço, além de poder identificar padrões de transação e interações com outras entidades.

Governos e exército recorrem à blockchain

Governos e exército recorrem à blockchain

No fim de 2018, um relatório da Diar revelou que as agências governamentais dos EUA triplicaram seu investimento em empresas de inteligência blockchain naquele ano.

A grande maioria dos negócios do governo de inteligência em blockchain de 2018 foram supostamente contratados pela empresa de análise de blockchain Chainalysis, com sede em Nova York, que – naquela data – assinou acordos com agências do governo no total de US$ 5,3 milhões.

Leia também: Já é possível pagar os transportes públicos de São Paulo com Bitcoin

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas