Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Indeal: Investidores protestam na sede da empresa e advogado tenta acordo com o MPF

Indeal: Investidores protestam na sede da empresa e advogado tenta acordo com o MPF

piramide financeira indeal

Em busca de respostas, aproximadamente cem clientes da Indeal se juntaram em um protesto no escritório da empresa em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul.

De acordo com o Gaúcha ZH, o ato que aconteceu na sexta-feira (11) contou com declarações de pessoas que investiram tudo que tinham no negócio investigado pela Polícia Federal por suspeita de pirâmide financeira.

 

A empresa e os sócios, que ofereciam investimentos em bitcoin com promessas de altos lucros, são acusados de diversos crimes, incluindo organização criminosa e gestão fraudulenta.

Investidores de várias regiões estiveram presentes no protesto, que foi organizado pela Associação de Clientes InDeal (Assic) e durou cerca de duas horas.

Com frases como “Queremos nosso dinheiro” e “Devolvam o que é nosso”, o grupo se revezou em discursos cobrando agilidade das autoridades na liberação de recursos a que teriam direito como investidores, disse o site. 

A presidente da Assic, Carolina Oliveira, disse que a entidade reúne 8 mil filiados, mas que a quantia que cada associado tem a receber ainda não foi calculada.

Segundo relatório da Receita Federal, que participa do inquérito da PF contra a Indeal, a empresa deve cerca de R$ 1,1 bilhão a 23,2 mil clientes por todo o Brasil.

Jean Carbonera, advogado contratado para representar os filiados da Assic, afirmou que está em tratativas com o Ministério Público Federal (MPF) para que seja organizado um plano de pagamento a investidores de valores bloqueados, reportou o site. 

Ele teria dito também que assim que sócios da empresa entregarem a lista de todos os bens e carteira de bitcoins, a Justiça deve avaliar a situação.

Leia também: Indeal: Coronel é investigado pela PF após fornecer informações sigilosas para a empresa

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas