Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Recordes em volume de negociações da Bakkt ocultam outro lado da história

Recordes em volume de negociações da Bakkt ocultam outro lado da história

bitcoin bakkt criptomoedas preço negociações volume

Apesar da euforia a respeito dos contratos futuros de Bitcoin (BTC) da Bakkt desde antes de seu lançamento em setembro deste ano, e do crescente volume de negociações, isso não diz tudo.

Na última quarta-feira (27), os futuros da Bakkt atingiram um recorde de 4.269 BTCs (cerca de US$ 32,6 milhões) em volume de negociações diário. Contudo, o número de Bitcoins liquidados fisicamente é significativamente baixo.

Os contratos de BTC da Bakkt são entregues fisicamente. Segundo Kelly Loefler, CEO da empresa, “isso fornece aos clientes clareza e segurança regulatória sem precedentes”.

A exchange oferece contratos futuros mensais e diários, contudo, conforme apontou o economista e trader colombiano Alex Kruger, apenas 32 BTC, no valor de US$ 242.000 foram entregues pela Bakkt para seus futuros mensais.

O número entregue de contratos diários é ainda mais baixo, aponta Kruger: Apenas 2 BTC em setembro.

“O que torna a Bakkt especial para os compradores não é seu volume, mas quantos bitcoins são entregues fisicamente”, declarou.

O objetivo da análise, no entanto, não foi deslegitimar a Bakkt, explicou o trader:

“Bakkt é boa para a indústria. Só não é tão importante quanto muitas pessoas acreditam, tendo em vista os baixos volumes físicos. Não é algo para se animar muito.”

Kruger ainda acrescentou que o crescimento da exchange “é muito positivo”:

“Quanto mais volume regulamentado, melhor. O crescimento da Bakkt é muito positivo. No entanto, mantenha presente Bakkt não é tão diferente do CME. É quase inteiramente negociação de papel”, disse ele.

Leia também: Criptomoedas na Black Friday: Confira as promoções de corretoras brasileiras

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias