Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Bancos Centrais têm pouca munição para lutar contra próxima recessão, diz governador do Banco da Inglaterra

Bancos Centrais têm pouca munição para lutar contra próxima recessão, diz governador do Banco da Inglaterra

crise-economica-recessão-global-mercado-financeiro-banco-britânico-economia

Em meio a possibilidade de recessão global que aterroriza os mercados financeiros, o governador do Banco da Inglaterra, Mark Carney, disse que os bancos centrais têm “pouca munição” para lutar combater a próxima crise.

Durante entrevista ao Financial Times, Carney falou sobre o assunto que tem sido pauta cada vez mais frequente em debates sobre a economia mundial, e disse que ela está caminhando para uma “armadilha de liquidez” que tornará mais difícil para as autoridades monetárias evitarem futuras recessões.

“Em termos gerais, é verdade que há muito menos munição em todos os grandes bancos centrais do que antes”, afirmou. “Na minha opinião, essa situação vai persistir por algum tempo.”

Para diminuir os riscos de uma nova catástrofe econômica global, o banqueiro defendeu que é preciso encontrar complementos para ferramentas monetárias como cortes de juros, afrouxamento monetário quantitativo e as previsões para as taxas de juros futuras.

Carney acredita que “se houver um declínio mais profundo [que precise] de mais estímulos do que uma recessão convencional, não está claro se a política monetária teria espaço suficiente”.

Nos últimos dias, o medo de uma nova recessão global mexeu com os mercados financeiros após o ataque aéreo comandado por pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que causou a morte do comandante da Guarda Revolucionária Iraniana, o general Qasem Soleimani, considerado um dos homens mais poderosos do país.

Os preços do Bitcoin, ouro e petróleo dispararam após a notícia, levando muitos analistas a relacionar os dois eventos.

Leia também: Casa da Moeda está prestes a falir em 2020, admite presidente da estatal

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias