Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

CME lança futuros de Bitcoin que competirão com a Bakkt; O que esperar?

CME lança futuros de Bitcoin que competirão com a Bakkt; O que esperar?

bitcoin-contratos-futuros-bakkt-cme-exchange-chicago-alta-preço-investir

A Chicago Mercantile Exchange (CME) lançou hoje, segunda-feira (13), suas opções de futuros de bitcoin, que competirão com a Bakkt, primeira exchange de futuros de bitcoin regulamentados, lançada em setembro de 2019.

A CME, conhecida como uma das primeiras plataformas a oferecer produtos regulamentados aos investidores, havia revelado seus planos dois dias antes do lançamento de sua rival, e viu um aumento de interesse de quase 70% a partir do final do ano passado, segundo Nikolaos Panigirtzoglou, líder do grupo de pesquisas do JP Morgan.

“Houve um aumento gradual na atividade do contrato futuro da CME subjacente. Essa atividade incomumente forte nos últimos dias provavelmente reflete a alta expectativa entre os participantes do mercado do contrato de opção.”

Cada contrato futuro de bitcoin da CME é cotado em dólares, e representa 5 BTC.

A bolsa, fundada em 1898, conta com dados de fluxo de comércio de várias das grandes exchanges de bitcoin para rastrear com precisão o preço da criptomoeda.

Para Panigirtzoglou, o volume da Bakkt é “bastante pequeno” no momento, e os pesquisadores acreditam que, com a dominância da CME no mercado de futuros, suas opções de Bitcoin terão um impacto maior.

Em sua primeira semana, o volume de negociações da Bakkt decepcionou os players do mercado que tinham grandes expectativas, atingindo apenas US$ 5 milhões.

Enquanto isso, a empresa de derivativos FTX, que lançou suas opções no último sábado (11), alcançou um volume de US$ 1 milhão em apenas duas horas.

No dia do lançamento da plataforma da Bakkt, o Bitcoin caiu mais de US$ 1.500 em poucas horas. No entanto, quando as opções da FTX foram silenciosamente lançadas pela exchange, o ativo oscilou, mas sem grandes mudanças.

O mesmo parece ter acontecido hoje (13), com o lançamento das opções da CME. Durante a manhã, a criptomoeda estava sendo cotada em US$ 8.145 e registrou uma queda de menos de US$ 100 antes do meio dia. No momento da publicação desta matéria, o ativo está sendo negociado em US$ 8.140, sem grandes mudanças.

Leia também: Brasileiro que comprava bitcoin por R$12 em 2011 monta fundo regulado pela CVM

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias