Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Investidores da Atlas Quantum conseguem reaver valores com ajuda da justiça

Investidores da Atlas Quantum conseguem reaver valores com ajuda da justiça

Investidores da Atlas Quantum conseguem reaver valores com ajuda da justiça

Os clientes da Atlas Quantum estão conseguindo reaver os valores investidos na empresa com a ajuda da justiça, conforme reportou o Cointelegraph

Em uma das ações abertas no Rio Grande do Sul, o processo já foi tramitado e julgado, e o cliente inclusive já recebeu os valores em sua conta bancária, incluindo o valor de uma multa aplicada pela justiça. 

São pelo menos 3 casos de clientes que conseguiram, com a ajuda da justiça, bloquear valores em contas bancárias vinculadas a empresa, aponta a reportagem.

Segundo o Dr. Eduardo Carpenedo, responsável pelos processos no escritório Carpenedo Advogados, com sede no Rio Grande do Sul:

“Com muito empenho conseguimos bloquear valores em nome de pessoas ligadas a Atlas Quantum. Graças ao sucesso nesses bloqueios um dos clientes já teve até os valores depositados em sua conta bancária. Vamos fazer o que for possível, judicialmente, para recuperar os investimentos dos clientes”.

Em 15 de maio, a justiça de São Paulo bloqueou cerca de R$800 mil da conta do CEO da Atlas Quantum, Rodrigo Marques.

Segundo Artêmio Picanço, advogado responsável pelo caso em São Paulo, “o bloqueio de R$800 mil servirá para ajudar inclusive clientes de outros processos”. 

A empresa planejava expandir seus negócios para fora do Brasil desde 2018, por meio das investigações, foi descoberto uma offshore de Rodrigo Marques no Uruguai, que atuaria como holding da Atlas. 

A Atlas Quantum planejava oferecer internacionalmente o suposto serviço de arbitragem de bitcoin com o intuito de aproveitar a tributação diferente no país e fazer com que todas as empresas do grupo Atlas Quantum subordinadas societariamente à holding.

O Uruguai tem uma tributação diferente para empresas que não atuam no país e que somente abrem escritório na nação.

Em 2019, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) deu um ‘stop order’ à Atlas, que continuou atuando no mercado financeiro irregularmente. 

Leia também: Supercomputadores contra o covid-19 são hackeados para mineração de Monero

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias