Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Brasil é o 4º país do mundo em utilizar pagamentos pelo celular

Brasil é o 4º país do mundo em utilizar pagamentos pelo celular

Brasil é o 4º país do mundo em utilizar pagamentos pelo celular

Segundo dados da consultoria Statista, o Brasil é o 4º país do mundo a utilizar pagamentos pelo celular, conforme reportou o Cointelegraph.

Por mais que esteja longe de superar a China, o Brasil fica a frente de nações como Coreia do Sul e Suécia, deixando de lado o uso do pagamento com dinheiro físico. 

Os três primeiros da classificação são Reino Unido, EUA e a China liderando a posição. Os outros países possuem uma grande diferença da China. 

A nação processa mais pagamentos sem dinheiro do que todos os demais países da lista. 

Só na China são cerca de US$755,5 bilhões em pagamentos pelo celular, já nos EUA são US$357,5 bilhões, em seguida o Reino Unido são US$45,8 bilhões e o Brasil em 4º com US$22,3 bilhões. 

Os números da China são os maiores e podem crescer ainda mais com a digitalização do país e com a criação do CBDC, o Yuan Digital, segundo a pesquisa.

A criptomoeda da China já está em fase de testes e com a previsão de ser lançada oficialmente até o final de 2020.

No Brasil, o Banco Central (BC) pretende fazer a integração da moeda para o meio digital com o lançamento do PIX, o sistema de pagamento instantâneo. 

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, comentou que o novo sistema pode ser um potencial para eliminar o dinheiro físico. 

“(PIX e Open Banking) vão ser uma ajuda muito grande também na forma de desintermediar essa necessidade de as pessoas terem dinheiro físico”, declarou  Roberto Campos.

Para o presidente do BC, o Brasil demanda de um sistema de pagamento que seja barato, rápido, transparente e seguro. 

“Se nós pensarmos o que tem acontecido em termos de criação de moeda digital, criptomoedas, ativos criptografados, eles vêm da necessidade de ter esse instrumento, com essas características, barato, rápido, transparente e seguro”, declara Roberto Campos.

Leia também: Três criptomoedas estão na mira de baleias para acumulação, aponta relatório

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias