Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

ROI do bitcoin supera em 70x cinco índices tradicionais desde 2015

ROI do bitcoin supera em 70x cinco índices tradicionais desde 2015

O Retorno Sobre o Investimento (ROI) do bitcoin de 2015 a 2020 colocou o ativo digital à frente de muitos mercados tradicionais, conforme reportou o Cointelegraph.

De acordo com a analista Justinas Baltrusaitis, o bitcoin teve um retorno de investimento de quase 3.500% desde 2015.

O bitcoin foi 70 vezes maior do que os mercados de ações tradicionais, e maior quando comparado ao Financial Times Stock Exchange 100, NASDAQ, Nikkei, S&P 500 e Dow Jones.

A pesquisa aponta que “durante o período de análise, o ROI do Bitcoin ficou em 3.456,98%, em junho de 2015 o preço do bitcoin era de US$257,06 e em 26 de junho de 2020 o preço subiu para US$ 9.143,58. Por outro lado o ROI médio dos índices destacados foi de 49,27%”.

O ROI é uma métrica financeira utilizada para medir a quantidade de um investimento em relação aos custos. 

O retorno sobre o bitcoin é calculado comparando o preço no momento em que eles compram a criptomoeda com seu valor atual. 

Reprodução/Buyshares.co.uk

A analista especulou que a diferença no ROI pode ser devido às regulamentações aprimoradas da criptomoeda, que enfrentam mais resistências em 2015 do que em 2020.

Ao longo dos anos, o bitcoin também tem crescido em popularidade e o status da criptomoeda principal contribuiu amplamente para o alto retorno do investimento.

Entretanto, a pandemia atual causada pelo novo coronavírus pode ter responsabilidade na alta, pois muitos procuram o bitcoin como uma reserva alternativa de riqueza, principalmente após o colapso nos mercados tradicionais. 

“Os retornos do Bitcoin são significativos, apesar do fato perene de investir em criptomoedas envolver risco substancial de perda. A avaliação das criptomoedas flutua amplamente e, como resultado, os investidores podem perder mais do que o investimento original.”

Alguns analistas sugeriram que o bitcoin ainda está um pouco ou fortemente correlacionado com mercados tradicionais. 

Qualquer colisão que afete as ações tradicionais ainda pode levar o mercado de criptomoedas, como em março. 

Leia também: Satoshi propositalmente minerou menos bitcoin do que podia, diz pesquisa

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias