Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Blockchain será usada pela Polícia Rodoviária Federal no Brasil

Blockchain será usada pela Polícia Rodoviária Federal no Brasil

blockchain-bitcoin-criptomoedas

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) anunciou que utilizará a tecnologia blockchain para gestão de estradas no Brasil. 

O plano da Polícia Rodoviária visa reduzir os custos e garantir melhores serviços ao cidadão, conforme reportou o Cointelegraph.

Ao comemorar o aniversário de 92, a Polícia Rodoviária afirmou que pretende implementar a transformação digital e adotar a tecnologia blockchain. O evento foi transmitido on-line e contou também com a presença do Presidente Jair Bolsonaro. 

A PRF continuará sendo a provedora da segurança pública nas vias federais, contudo, poderá contar com a tecnologia para a destacar a competência do órgão.

De acordo com o diretor-geral da PRF, Eduardo Aggio, “vivemos em tempo de mudanças e transformações sem precedentes: a tecnologia e a exponencialidade da era da informação têm mudado a sociedade e suas expectativas sobre as instituições. É nesse sentido que ganham destaque o desenvolvimento das nossas competências e o investimento em tecnologia, para que a gente antecipe o futuro, impulsione a nossa eficiência e potencialize o compartilhamento do conhecimento”. 

A intenção é utilizar tudo que há de melhor na tecnologia, como a inteligência artificial, robótica, automação, algoritmos, blockchain, computação em nuvem, conectividade, internet das coisas, e qualquer outra ferramente que venha agregar.

O Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados) foi um dos convidados para a ocasião em que foi assinado o Plano de Transformação Digital da PRF. 

Caio Mario Paes de Andrade, presidente do Serpro, comentou que “o Serpro é um dos pilares da transformação digital do país e apoia o governo e o setor produtivo com soluções de inteligência. Esse processo é irreversível para a modernização e eficiência do Estado”.

O evento foi importante para apresentar e assinar o Plano de Transformação Digital da Polícia Rodoviária Federal.

A PRF pretende transformar o setor e ser 100% digital até 2021, e programa se adequar para adotar a tecnologia blockchain. 

O diretor de relacionamento com cliente do Serpro, André de Cesero, comentou que a prioridade é o segmento trânsito, com a entrega de diversos serviços de inteligência ao longo do tempo e o melhor atendimento ao cidadão, alvo maior da transformação digital. 

“O Sistema de Notificação Eletrônica, o SNE, é uma dessas soluções já utilizada pela PRF, que automatizou o processo de envio da notificação de infrações cometidas em rodovias federais e o pagamento de multas de trânsito. A solução é segura e proporciona maior agilidade e comodidade aos órgãos autuadores e motoristas, trazendo mais facilidade para a vida do cidadão”, comentou André de Cesero.

Leia também: Brasil ‘enfrentará consequências’ se permitir chinesa Huawei no 5G, diz embaixador dos EUA

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias