Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Blockchain nas eleições: Tribunal Eleitoral vai realizar teste no Brasil em novembro

Blockchain nas eleições: Tribunal Eleitoral vai realizar teste no Brasil em novembro

Blockchain nas eleições: Tribunal Eleitoral vai realizar teste no Brasil em novembro
TSE - Tribunal Superior Eleitoral Urna eletrônica

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai realizar testes no 3 de eleições com blockchain a partir do dia 15 de novembro. 

Conforme reportou o Cointelegraph, as Eleições Municipais deste ano serão palco de demonstrações de propostas de inovação para o sistema eletrônico de votação adotado no Brasil desde 1996. 

Os testes vão ocorrer nas cidades de Curitiba (PR), Valparaíso de Goiás (GO) e São Paulo (SP).

De acordo com o TSE, as ações vão ser monitoradas pela Justiça Eleitoral e realizadas pelas empresas inscritas em chamamento público, feito pelo Tribunal, para participação no projeto “Eleições do Futuro”

Mais de 30 empresas apresentaram interesse no projeto. Destas, 26 foram selecionadas para apresentar uma solução inovadora. 

As demonstrações contarão com a participação de eleitores, que votarão em candidatos fictícios. 

O projeto “Eleições do Futuro” foi lançado em setembro, com o objetivo de iniciar estudos e avaliações para eventual implementação de inovações no sistema eleitoral.

A ideia será transmitida aos ministros Edson Fachin e Alexandre de Moraes, responsáveis por organizar as Eleições de 2022.

De acordo com o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, o projeto pode gerar uma economia aos cofres públicos, dispensando a reposição e manutenção das Urnas Eletrônicas.

“As urnas eletrônicas se revelaram até agora uma excelente solução, mas elas têm um custo elevado e exigem reposição periódica”, declara Barroso. 

O presidente do TSE continua dizendo “mesmo que, em um primeiro momento, os eleitores continuem a ter que comparecer às seções eleitorais, para a proteção do sigilo, só a economia de centenas de milhões de reais com a substituição de urnas já representa um grande ganho”.

De acordo com o TSE somente serão avaliadas as sugestões dos projetos que agregarem segurança ao processo eleitoral, proteção ao sigilo do voto e eficiência.

Leia também: Bolha de ações de Eike Batista favoreceu grandes investidores

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias