Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

As criptomoedas mais pesquisadas em 2020, confira

As criptomoedas mais pesquisadas em 2020, confira

Criptomoedas mais pesquisadas em 2020, confira

De acordo com os dados de 2020 do Google Trends, o líder das criptomoedas mais pesquisadas do ano continua sendo o Bitcoin (BTC)

Conforme reportou o Cryptonomist, o ano foi favorável para o criptoativo mesmo com a queda em março, no início da pandemia do novo coronavírus. 

A moeda começou o ano de 2020 valendo US$7.000 e chegou a despencar 50% em março, caindo para US$3.000. 

O BTC já valorizou 280% em 2020, e está cada vez mais perto de quebrar máximas histórias e chegar nos US$30 mil.

Reprodução/ Cryptonomist

Conforme o gráfico acima, Ethereum (ETH) está em segundo lugar, mas muito atrás do Bitcoin. Mesmo assim, a ETH superou os US$700 pela primeira vez desde 2018 em 2020.

Em terceiro lugar está o Ripple (XRP), contudo, após o processo da SEC e várias exchanges deixando de negociar a XRP, a criptomoeda perdeu muito seu valor. 

A SEC, o órgão americano equivalente à Comissão de Valores Mobiliários do Brasil, registrou um processo de US$1,3 bilhões contra a Ripple, emissora da XRP, alegando que este montante foi levantado pela empresa em ofertas de títulos não registrados desde 2013. 

A partir da terceira posição fica mais difícil avaliar quais as criptomoedas mais pesquisa no Google em relação à capitalização de mercado. 

Reprodução/ Cryptonomist

O gráfico acima mostra que a Dogecoin (DOGE) teve um grande pico em 5 de julho, ultrapassando todas as criptomoedas.

Esse pico foi devido a um desafio no Tik Tok pelo usuário James Galante, convidando todos a investirem no DOGE. 

Na época o valor da DOGE subiu 44%, fazendo com que todos procurassem a criptomoeda no Google para ver o que estava acontecendo. 

Como pode ser visto, Bitcoin Cash (BCH) e Cardano (ADA) inverteram posições muitas vezes, ultrapassando até mesmo Dogecoin em certos momentos.

Algumas vezes até a Ripple ultrapassou Ethereum, como foi o caso em dezembro de 2019 e em março de 2020, quando o Financial Times falou sobre XRP e o preço estava em torno de US$0,20.

O Bitcoin Cash, como se poderia esperar, ultrapassou as outras altcoins durante o período de sua última bifurcação no final de 2020.

Quanto ao Tether (USDT), segue mais ou menos os mesmos números de pesquisa da Cardano, portanto, apesar de sua enorme capitalização de mercado, talvez seu preço estável não resultasse em pesquisas particularmente altas.

Leia também: “Comprei por R$20 mil e vendi por R$70 mil, Bitcoin não vai parar de subir”, diz Youtuber

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias