Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

McAfee é liberado pelas autoridades e diz: "Eu fui bem tratado"

McAfee é liberado pelas autoridades e diz: "Eu fui bem tratado"

mcafee criptomoedas bitcoin polícia
Imagem: John McAfee/Twitter

Após desaparecer e ter sua conta no Twitter controlada por seu gerente de campanha, que alertou a Internet sobre uma possível detenção pelas autoridades, o controverso programador, libertário e entusiasta das criptomoedas, John McAfee, foi solto pelas autoridades na quarta-feira (24).

McAfee, juntamente com sua esposa e outros tripulantes, têm vivido em um iate próximo do Caribe nos últimos meses, tentando escapar das autoridades, que o procuram por acusações de evasão fiscal.

 

Eles foram presos pela polícia da República Dominicana ao atracar seu iate na cidade de Puerto Plata, na costa norte do país caribenho.

O programador passou quatro dias detido após as autoridades apreenderem armas de alto calibre e outros adereços militares em sua embarcação.

Ao ser libertado, McAfee publicou um tweet dizendo que foi bem tratado pelas autoridades:

“Deixando a detenção (não julgue minha aparência — quatro dias de confinamento). Eu fui bem tratado. Meus superiores foram amigáveis e prestativos. Apesar das circunstâncias úteis, decidimos seguir em frente. Até mais tarde.”

Exílio e campanha presidencial 

Exílio e campanha presidencial 

O programador está em um exílio auto imposto no exterior desde o começo do ano, devido a uma suposta denúncia do Serviço de Receita Federal dos EUA (IRS), por evasão fiscal. Ele admitiu não ter pago impostos durante oito anos, embora nunca tivesse ocultado tanto.

No entanto, isso não parece impedir McAfee de realizar uma campanha para presidente dos Estados Unidos, mesmo de longe. Mas segundo ele, a ação não é séria, mas sim um meio de promover as criptomoedas. 

Os rumores sobre seu desaparecimento começaram na terça-feira (23), após Rob Benedicto, seu gerente de campanha, publicar na conta de McAfee no Twitter que tinha “boas razões para suspeitar que John McAfee foi detido por autoridades no último porto onde realizou contato”. 

Benedicto ainda afirmou que os dados escondidos por McAfee seriam revelados ao mundo se ele permanecesse detido. 

Leia também: Hackers que invadiram o celular de Sergio Moro terão suas movimentações em criptomoedas investigadas

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas