Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

CEO da DD Corporation está sendo caçado por investigadores internacionais

CEO da DD Corporation está sendo caçado por investigadores internacionais

Os investidores que foram lesados pelo CEO da DD Corporation, Leonardo Araújo, contratam investigadores internacionais para localizar o líder da empresa e cobrar dívida, conforme reportou o Cointelegraph

A empresa acusada de pirâmide financeira está em dívida de mais de R$100 milhões com clientes em todo o Brasil. 

Em áudios divulgados em fevereiro, foi revelada a vida de luxo levada pelo dono da DD na Europa. 

Um grupo de empresários que investiram na empresa teria contratado investigadores internacionais para localizar Leonardo Araújo e seus familiares. 

Assim que for localizado, a intenção é cobrar os valores que está devendo aos clientes da DD, e solicitar uma ordem judicial para extradição dele para o Brasil. 

A empresa oferecia pacotes de investimento com rentabilidade garantida de até 4% ao dia, por meio de operações com Bitcoin. Após diversas denúncias, a DD Corporation passou a ser investigada pela Polícia Civil e Ministério Público. 

Devido à falta de entrada de novos clientes, a DD parou de pagar os supostos rendimentos em 2019, o que motivou as ações judiciais contra a empresa.

Contudo, Leonardo foi para a Europa com a nova empresa E-Volve, que oferece rendimentos ainda maiores, de até 7% sobre o valor investido.

Segundo o Diário Prime, Araújo afirma que a empresa, E-Volve, trabalha com marketing multinível e seu objetivo é recuperar a DD Corporation.

No começo do mês, os usuários denunciaram uma suposta fraude em um novo vídeo do CEO da DD Corporation, onde ele aparece mostrando o novo planejamento de pagamentos, incluindo supostos R$100 milhões bloqueados em exchange. 

Contudo, ele é acusado de ter usado uma ferramenta chamada Inspecionar Elemento, disponível no Google Chrome, para alterar caracteres do site da Poloniex, onde mostra um saldo de 2.036 BTC bloqueados na exchange, equivalente a R$ 86 milhões.

Leia também: Inabalável: Preço do Bitcoin valoriza 60% uma semana após queda histórica

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias