Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Exchanges Huobi e OKEx irão compensar clientes que perderam Bitcoins durante a queda do mercado

Exchanges Huobi e OKEx irão compensar clientes que perderam Bitcoins durante a queda do mercado

bitcoin-exchange-huobi-okex-queda-preço-12-março-criptomoedas

Diversos traders foram afetados pela queda repentina do mercado em 12 de março, na qual alguns chegaram até a ter todos os seus bitcoins liquidados, como foi o caso de clientes da Atlas Quantum que usavam o robô de arbitragem Phoenix.

No entanto, em outros casos, as perdas derivaram de problemas enfrentados pelas próprias exchanges.

Agora, a Huobi e OKEx anunciaram que irão compensar os traders que perderam fundos durante a falhas no sistema no market crash.

As duas exchanges formaram equipes para processar as reclamações de seus clientes e potencialmente oferecer compensação.

Huobi

O escritório da Huobi na China chegou a ser alvo de uma manifestação nesta segunda-feira (23), na qual pessoas se reuniram no local acusando a exchange de desconsiderar seus direitos.

Contudo, segundo um porta-voz da Huobi à imprensa local, alguns dos manifestantes sequer eram clientes da empresa, enquanto outros não realizaram operações durante a queda no mercado em 12 de março.

Apenas quatro deles, de acordo com informações, eram usuários da Huobi e poderiam provar ter tentado transações no dia em que o mercado despencou.

A exchange apontou que muitas plataformas caíram naquele dia devido às condições extremas, e declarou que “embora o mecanismo do sistema tenha sido responsável por um certo intervalo de atrasos nas transações, ele não afetou a operação normal.”

Segundo o porta-voz da empresa, há uma equipe especial para processar todas as reclamações:

“Organizamos um pessoal especial para acompanhar o caso”, disse a Huobi.

Clientes afetados devem entrar em contato em [email protected]

OKEx

No caso da OKEx, sediada em Malta, o processo parece ter acontecido de maneira mais veloz:

“Atualmente, já nos comunicamos com a maioria dos usuários afetados e alcançamos uma solução mutuamente satisfatória”, disse a empresa.

A exchange também enfrentou dificuldades em 12 de março, mas alega que “imediatamente” repararam o sistema e retomaram as operações normais “em um curto período de tempo”.

A raiz do problema foi investigada, afirma a empresa, e garante que o problema não voltará a acontecer.

Leia também: CEO de exchange confessa ter roubado R$ 2 milhões em Bitcoin

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias