Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Autoproclamado criador do Bitcoin é desmascarado pelo dono das carteiras que ele diz lhe pertencerem

Autoproclamado criador do Bitcoin é desmascarado pelo dono das carteiras que ele diz lhe pertencerem

craig wright bitcoin documentos-carteiras-satoshi-nakamoto-criador-fraude
Imagem: Reprodução

O autoproclamado criador do Bitcoin, Craig Wright, levou outro golpe após ser desmascarado pelo verdadeiro dono dos endereços de carteiras de BTC que ele disse que lhe pertencem.

Wright, chamado por alguns de “” (ou “Falso Satoshi”) na comunidade de criptomoedas, arrasta há alguns anos as alegações de que é Satoshi Nakamoto, pseudônimo japonês de quem assinou o whitepaper do Bitcoin.

Ele afirma possuir 1,1 milhão BTC (cerca de US$9,77 bilhões) divididos em diversos endereços. Contudo, o verdadeiro dono de 145 dos endereços listados pelo empresário australiano na última quinta-feira (25), publicou uma mensagem assinada onde o chama de “fraude”.

A mensagem, assinada pelas chaves privadas dos endereços, afirma:

“Craig Steven Wright é um mentiroso e uma fraude. Ele não tem as chaves utilizadas para assinar esta mensagem. A Lightning Network é uma conquista significativa. Porém, precisamos continuar trabalhando para melhorar a capacidade no blockchain. Infelizmente, a solução não é alterar uma constante no código ou permitir que participantes poderosos expulsem outros. Somos todos Satoshi”.

bitcoin-craig-wright-satoshi-fraude
Imagem: Reprodução

Craig Wright já foi acusado de fraude por várias personalidades do universo de criptomoedas. Entre elas está Changpeng ‘CZ’ Zhao, CEO da exchange Binance.

O programador não aceita as acusações, e já chegou a processar várias figuras importantes do setor que criticaram ou duvidaram dele. Contudo, muitos processos foram retirados ou arquivados.

Uma das ações judiciais em que Wright está envolvido foi movida por Ira Kleiman, em nome de seu falecido irmão Dave Kleiman que foi parceiro do australiano. Segundo o processo, metade dos bitcoins supostamente pertencentes a Wright, eram de Dave.

A justiça determinou que o programador forneça 50% de toda a sua posse em bitcoin, mas ele diz não ter acesso ao fundo Tulip Trust, que detém as chaves.

Leia também: Dona das Casas Bahia, Extra e Ponto Frio compra fintech de criptomoedas

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias