Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Nova lei da China permite herança em moedas digitais, como o bitcoin

Nova lei da China permite herança em moedas digitais, como o bitcoin

bitcoin-criptomoedas-moedas-digitais-china-yuan-herança-propriedade-internet-lei-notícias

Uma nova lei aprovada na China durante uma sessão do Congresso Nacional do Povo (NPC) na quinta-feira (28), garante que os cidadãos herdem criptomoedas.

Pela primeira vez desde que a lei da herança entrou em vigor no país, há mais de 35 anos, a norma foi revisada e alterada para garantir que os cidadãos chineses possam herdar propriedades da Internet, como bitcoin e outros criptoativos, reportou o Coingeek.

Com a alteração, a lei agora determina que, quando uma pessoa morre, “o legado é a propriedade legal pessoal deixada por ela”, segundo Lixin Yang, professor da Universidade Renmin, em reportagem à Televisão Central da China.

De acordo com o professor, a mudança permitirá que os cidadãos herdem propriedades da Internet, incluindo moedas digitais e até itens de jogos virtuais.

A nova lei passa a valer em 1° de janeiro de 2021, e a aprovação é um marco importante para a popularização e adoção das criptomoedas no país.

O Comitê do NPC tem coletado a opinião pública sobre as disposições que mais significam para os cidadãos chineses e a mudança ressalta a consideração da população pelas moedas virtuais.

Contudo, conforme apontou o sócio fundador da Primitive Ventures, Dovey Wan, a melhor opção continua sendo as chaves privadas.

“Eu prefiro proteger meu Bitcoin com a própria chave, não com a lei. O problema com a lei é sempre a aplicação, não a legislação”, declarou.

Leia também: EUA precisam de um dólar digital para manter a dominância como reserva mundial, diz ex-presidente da CFTC

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias