Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Trader bloqueia para sempre R$ 6 milhões em criptomoeda após erro básico

Trader bloqueia para sempre R$ 6 milhões em criptomoeda após erro básico

trader-criptomoeda-aave-token-defi-bloqueio-contrato-inteligente-endereço-erro-permanente-negociaçao

Enquanto alguns traders conseguem alcançar ganhos surpreendentes com criptomoedas, também existem os que cometem trágicos erros, resultando em perdas milionárias. 

Esse foi o caso de um entusiasta que recentemente cometeu um erro básico, que lhe custou R$ 6 milhões em uma perda permanente. 

Ontem (19), um usuário chamou a atenção no Twitter ao apontar uma transação realizada no dia 3 de outubro, que parece ter passado despercebida até então. 

De acordo com dados do rastreador Etherscan, alguém enviou 28.050 tokens do projeto DeFi AAVE, no valor de cerca de US$ 1,1 milhão (R$ 6 milhões) para um endereço que torna impossível recuperar a quantia. 

Este não foi o típico “endereço errado”, no qual os tokens vão para a carteira de algum usuário sortudo. 

Os tokens foram enviados para o endereço do contrato inteligente do token AAVE, resultando em um bloqueio permanente do montante na blockchain. 

“Alguém acaba de perder US$ 1,134,905 (cerca de 3029.40 ETH)! São 28,050,04 AAVE perdidos para sempre”, ressaltou o usuário. 

Em resposta ao ‘TokenOops’, serviço que rastreia tokens ERC20 enviados para o próprio endereço de token ERC20, no qual a retirada é inviável, Chase Wright, arquiteto corporativo do Federal Reserve Bank of Chicago declarou: 

“O ponto-chave aqui é que o AAVE foi transferido para o endereço do próprio contrato inteligente, e não para outra conta.” 

Wright ainda fez uma analogia, dizendo que uma transação desse tipo é como “enviar uma carta para o endereço do correio em vez do endereço para o qual você deseja enviá-la”.

Mas alertou que nesse caso “não há opção de ‘devolver ao remetente’”. 

Conforme reportou o Decrypt, de acordo com o TokenOops, transações semelhantes não são raras, embora não cheguem a ultrapassar algumas centenas de dólares. 

Além disso, nem todas essas transações são feitas por engano, pois algumas pessoas enviam pequenas quantidades de tokens para endereços inativos ou inacessíveis “sacrificando-os” como um tributo. 

Com o boom das finanças descentralizadas (DeFi), muitos investidores têm relatado histórias interessantes, e felizmente nem todas são de perdas, como a de um trader que transformou R$ 1 mil em R$ 1,5 milhão “sem querer”. 

Leia também: Após atualização, Monero tem melhor desempenho entre as 15 principais criptomoedas

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias