Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Preço do Bitcoin despenca R$ 40 mil em 24 horas e altcoins acompanham a queda

Preço do Bitcoin despenca R$ 40 mil em 24 horas e altcoins acompanham a queda

bitcoin-preço-queda-btc-criptomoedas-altcoins-correção-mil-

Depois de uma semana de altas e otimismo sobre o preço do Bitcoin (BTC), o ar muda nesta segunda-feira (11) com uma forte queda no mercado de criptomoedas.

O bitcoin está numa queda de cerca de R$ 40 mil nas últimas 24 horas, saindo de R$ 220 mil para cerca de R$ 180 mil. O montante representa um derretimento de 18% no preço da moeda.

Há pouco, o ativo caiu mais R$ 10 mil, mas logo se recuperou. Em dólares, o principal criptoativo do mercado foi de US$ 42 mil para US$ 31 mil, o preço mais baixo dos últimos seis dias e a maior correção desde outubro do ano passado.

Vale lembrar que essa queda vem menos de uma semana após o novo recorde histórico registrado pelo Bitcoin na última quinta-feira (07). Contudo, a correção não veio sem avisos.

Na semana passada, o economista Fernando Ulrich havia alertado sobre um sinal de que a alta do Bitcoin se aproxima do fim, enquanto outros especialistas esperam por uma correção de cerca de 30% no preço da moeda digital.

Para Scott Minerd, CIO da empresa global de serviços financeiros Guggenheim Partners, a alta parabólica do Bitcoin “é insustentável no curto prazo”. Segundo ele, “é hora de tirar algum dinheiro da mesa”, escreveu.

No entanto, apesar da correção no preço do ativo, o preço do Bitcoin ainda está cerca de 82% acima do mês passado, e com a alta volatilidade no mercado de criptomoedas, nada impede o ativo de retornar à sua máxima histórica.

Altcoins despecam junto ao Bitcoin

Enquanto a história não se desenrola, o preço do Bitcoin segue em queda e, junto a ele, outras criptomoedas do mercado também estão perdendo valor.

Houve uma queda mais de 30% no preço da Nano, enquanto Maker já caiu 29%, EOS e Litecoin estão com 27% de perdas e Ethereum com -23%.

Outras altcoins, como Chainlink, Stellar, Cardano e Dash registram perdas de 22%, 21%, 20% e 15% até o momento da publicação, segundo dados do CoinMarketCap.

Será o fim do mercado de alta ou apenas uma correção, como previsto por alguns especialistas?

Leia também: Bitcoin consome mais energia que um país com 100 milhões de pessoas

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias