Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

50% das empresas podem implantar blockchain em 3 anos, diz executivo da Oracle

Durante painel executivo no CIO da Forbes na última segunda-feira (08), em HalfMoonBay, Califórnia, o vice-presidente de desenvolvimento de blockchain da Oracle, Frank Xiong, falou sobre a utilização em massa do blockchain.

“Minha projeção é que entre 50% e 60% das empresas usarão o blockchain nos próximos anos”. 

Além de suportar amplamente criptomoedas como o bitcoin, a tecnologia blockchain, nos últimos anos, passou a ser uma ferramenta usada pelas empresas para rastrear com mais precisão produtos ou informações privadas que passam por muitas mãos, . 

Tudo isso só é possível porque se trata de um banco de dados compartilhado que permite aos usuários compartilhar cópias idênticas de informações em muitos computadores. 

Por outro lado, Xiong afirma que a tecnologia não é uma bola mágica. “Nós passamos do estágio em que blockchain pode curar tudo, então as pessoas estão se tornando mais realistas sobre o que é bom para o seu modelo de negócios”. 

Para o vice-presidente da blockchain na Samsung SDS, Ted Kim, a colaboração se torna mais eficiente em muitos aspectos graças ao blockchain.  

“No final das contas, o blockchain torna a colaboração em várias partes mais eficiente, seja um consórcio para rastrear dados sobre a entrada de falsificações em cadeias de suprimentos ou o quanto estoque você precisa para criar uma previsão melhor”. 

“Há ROI tangível no blockchain”, disse Kim, que espera que em três anos, 20% das empresas usem a tecnologia. 

No entanto, Daniel Jones, o CEO da startup de software Bext360, não acredita na possibilidade de que os dados das pessoas passem a ser descentralizados. 

“Não acho que seja possível — acho que o que veremos é que as empresas se integram verticalmente, as Amazons do mundo vão continuar se integrando verticalmente à um patamar maior.” 

Leia também: O Bitcoin pode chegar a US$50.000 nos próximos anos? 

 

Receba as notícias mais importantes no seu email

Últimas Notícias