Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

"Toda pirâmide se disfarça de marketing multinível", diz fundador da Wise Up

"Toda pirâmide se disfarça de marketing multinível", diz fundador da Wise Up

flavio augusto silva wise up piramide marketing multinível

Flávio Augusto Silva, fundador da Wise Up e do blog Geração de Valor, falou sobre as pirâmides financeiras na última segunda-feira (22), em um vídeo publicado no Youtube.

 

“As pirâmides financeiras se escondem, se travestem para poder enganar as pessoas através do marketing multinível.”

 

O empresário conta que decidiu gravar o vídeo dando algumas dicas sobre o que é, e como identificar pirâmides financeiras, devido a ”centenas e centenas de mensagens de pessoas perguntando sobre esse assunto”.

“Pirâmide financeira é um termo usado para classificar aquele tipo de negócio insustentável que depende da adesão contínua de pessoas para que ele fique de pé”, definiu Silva.

Ele então segue explicando que o golpe funciona a partir do recrutamento contínuo de novos investidores para que o esquema gere dinheiro em cima dessas pessoas, até que o negócio se torne insustentável.

“Vai chegar em algum nível que vai faltar a população do mundo para que você consiga atender a promessa feita para aquela pessoa. E isso torna o negócio absolutamente insustentável”, disse ele.

Silva cita diversos tipos de golpe, assim como pirâmide tradicional — onde o investidor é persuadido a aplicar uma certa quantia com a promessa de lucro garantido, e pirâmides financeiras, que envolvem produtos como criptomoedas, gado e ouro.

Uma hora a casa cai 

Uma hora a casa cai 

Segundo o empresário, “toda pirâmide um dia explode — gente vai presa, gente é processada, gente que perde tudo”, explica. 

Ele ainda fez uma analogia com o golpe do bilhete premiado, onde uma pessoa diz que tem um bilhete premiado e que não sabe ler. Então, alguém aparece querendo dar um golpe e paga para pegar o bilhete da pessoa. 

No fim, quem acaba sendo enganado é quem dá o dinheiro pelo bilhete, que na realidade não vale nada. 

“Todo golpista se vale do fato de existir um outro cara que também quer ser golpista e aí o mais otário sempre vai cair na conversa do golpista menos otário, porque não tem golpista que não seja otário, porque uma hora a casa cai.”

Pirâmide x Marketing Multinível 

Pirâmide x Marketing Multinível 

No vídeo, Silva diz que quase toda pirâmide financeira diz ser marketing multinível, mas nem todo marketing multinível se trata de uma pirâmide financeira. 

O empresário afirma que “tem muita gente ganhando dinheiro de forma honesta com o marketing multinível” e diz que este tipo de negócio cresce em todo o mundo e gera emprego com a venda direta de produtos. 

“As pirâmides financeiras se escondem, se travestem para poder enganar as pessoas através do marketing multinível.”

Para diferenciar as duas práticas, Silva argumenta que toda pirâmide financeira precisa da adesão de novas pessoas. 

Enquanto no marketing multinível, por sua vez, o produto associado é a renda principal do negócio. Portanto: 

“Se uma empresa fatura mais por adesão de pessoas do que por venda de produto, ela é uma pirâmide financeira”, explica o economista.

Silva aconselha as pessoas a pesquisarem antes de investir em qualquer negócio, e afirma: 

“Não existe dinheiro fácil. Não existe atalho. Não seja olho grande.”

Leia também: Empresa acusada de pirâmide financeira muda de nome

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas