Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Universidade Federal de São Paulo exige conhecimento sobre blockchain para novos professores

Universidade Federal de São Paulo exige conhecimento sobre blockchain para novos professores

Por Mirian Romão

Os professores da Universidade Federal de São Paulo, Unifesp, segundo publicação feita nesta quarta-feira (13), terão que saber sobre blockchain para lecionar na universidade, conforme reportou o Portal Bitcoin.

De acordo com a publicação, os professores de Ciências Contábeis e Sistemas de Informações Contábeis, para os novos professores a tecnologia do bitcoin é conhecimento obrigatório, fora os outros requisitos do concurso. 



O edital para o concurso já está disponível, as inscrições começarão nesta quarta e vão até 12 de dezembro e devem ser feitas no campus São Paulo da Unifesp, para lecionar no campus de Osasco. 

Em dezembro de 2018 o edital da Unifesp, para o cargo de professor de Ciências Contábeis, já solicitava conhecimento nesta tecnologia.

A blockchain é uma tecnologia versátil e aplicável a uma série de outras utilizações, que vem ganhando espaço para negócios como administração pública, como ferramenta de confiança e transparência. O parque tecnológico de Itaipu apoia e busca implementar a tecnologia blockchain em setor agronegócio. 

O Banco Central já demonstrou interesse na tecnologia, em setembro a instituição anunciou um sistema baseado em blockchain para pagamentos instantâneos, que deve entrar em operação no final de 2020. O banco Itaú declarou que usa o blockchain, mas não especificou detalhadamente como. 

No início de novembro o recém nascido, Álvaro de Medeiros Mendonça, foi o primeiro do mundo a ter o registro oficial da certidão de nascimento na blockchain. A emissão do documento oficial de nascimento é algo inédito.

Leia também: Google vai oferecer conta corrente a usuários em 2020 em parceria com banco líder global

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram e Twitter e fique por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias

Mais Lidas