Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

InDeal: Justiça leiloa dezenas de carros de luxo apreendidos da pirâmide

InDeal: Justiça leiloa dezenas de carros de luxo apreendidos da pirâmide

A Justiça Federal de Porto Alegre agendou o leilão para vender dezenas de carros de luxo da suposta pirâmide financeira InDeal, que deve mais de R$1 bilhão para 23,2 mil clientes, conforme reportou o Cointelegraph.

O leilão ficou agendado para abril, são cerca de 34 carros avaliados em R$6.188.000.

Entre os veículos estão um Dodge Challenger SXT, uma Porsche Cayenne, um Jaguar Espace, uma Mercedes Benz e uma Land Rover Evoque. 

“O veículo mais caro é uma Ferrari California, fabricada em 2009, com 14.989 quilômetros rodados. Na primeira venda, o valor mínimo será de R$ 670 mil. O carro mais potente é o BMW X6, versão esportiva, de 575 cavalos, fabricado em 2017, avaliado em R$ 420 mil. Com pouquíssimo uso, há um Mustang GT blindado, 2019, com apenas 413 quilômetros rodados. Pouco comum no país, também estará à venda um Nissan 370Z Nismo, 2012, avaliado em R$ 150 mil”, segundo reportagem. 

A Justiça justifica o leilão antecipado pela potencial desvalorização dos bens apreendidos.

Os carros de luxo seriam dos investigados que ainda não foram condenados pelas denúncias da Operação Egypto

Os valores arrecadados no leilão serão depositados em conta judicial até finalizar os julgamentos.

Em caso de condenação, o valor será utilizado para ressarcir parte das vítimas. 

A empresa oferecia investimentos com criptomoedas, com promessas de retornos de até 15%. A suposta pirâmide financeira captou mais de R$1 bilhão. 

Segundo a decisão, proferida pelo ministro Sebastião Reis Junior em setembro de 2019, a empresa transacionou e enviou ao exterior R$ 128.304.360,54, sem declarar à Receita Federal.

Além do Brasil, a InDeal operava em outros países como Suiça, Estados Unidos, Malásia, China e Japão.

Em outubro do ano passado, os investidores da InDeal protestaram na sede da empresa, no Rio Grande do Sul, solicitando o dinheiro de volta.

Leia também: ASSIC disponibiliza cadastro para clientes que querem recuperar o dinheiro aplicado na Unick

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias