Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Primeiro fundo 100% de Bitcoin do Brasil foi aprovado pela CVM

Primeiro fundo 100% de Bitcoin do Brasil foi aprovado pela CVM

criptomoedas-bitcoin-brasil-fundo-100%

Pela primeira vez, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aprovou a criação de um fundo alocado 100% em Bitcoin (BTC) no Brasil. 

O fundo, denominado QR BTC MAX FIM IE, é um produto da QR Asset Management, gestora de recursos da holding QR Capital, e foi lançado na quinta-feira, 1° de outubro. 

Com gestão passiva, o fundo será espelhado na rentabilidade do bitcoin e não cobrará taxa de performance. 

O QR BTC Max compra bitcoins diretamente em corretoras estrangeiras reguladas em seus países de origem. 

A taxa de administração do produto será de 0,9% ao ano, e o investimento mínimo é de R$ 50 mil. 

De acordo com comunicado, o fundo alocado 100% em BTC está em consonância com as regras da CVM, e fica aberto aos investidores qualificados, não apenas aos investidores tradicionais. 

O produto já está disponível para a aplicação no site da QR Asset e na plataforma Órama. 

Para Fernanda Carvalho, CEO da holding QR Capital, enquanto vivemos um momento de baixa histórica da taxa básica de juros e crise no mercado de câmbio, investidores estão buscando diversificação de portfólio em produtos que tenham liquidez, como o Bitcoin. 

“O bitcoin acaba atuando como um duplo hedge, uma vez que é uma commodity digital negociada em dólar no mercado mundial. Inclusive o ativo teve uma valorização expressiva em 2020, mesmo com o cenário atual.”, afirma. 

Ao investir no fundo focado em Bitcoin, a diferença entre comprar a criptomoeda diretamente é que a responsabilidade e controle das carteiras e chaves privadas deixa o usuário e passa para a gestora. 

Leia também: Bitcoin a US$ 1 milhão? “Coisa de gente com problema na cabeça”, diz Lobo de Wall Street

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias