Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Forbes diz que preço do Bitcoin caminha para alta histórica e aconselha: 'Hodl'

Forbes diz que preço do Bitcoin caminha para alta histórica e aconselha: 'Hodl'

Forbes diz que preço do Bitcoin caminha para alta histórica e aconselha 'Hodl'

Diversos acontecimentos no mercado estão impulsionando o Bitcoin (BTC) e as criptomoedas, o preço caminha para uma alta história e Forbes aconselha o Hodl.

O Bitcoin acabou de sair de US$17.000 e agora está mais perto de seu maior recorde de US$20.000, valendo atualmente US$18.130.

O preço do BTC bateu os R$ 97 mil na Binance nesta semana, o ativo digital segue em forte tendência em Reais, registrando novo recorde histórico de preço em real, ultrapassando sua máxima anterior de R$70 mil

Em 2020, a criptomoeda acumula ganhos de 210%, em boa medida influenciada pela desvalorização do real frente o dólar.

Como todo sucesso, o BTC também passou por problemas neste ano, como a COVID-19, mudanças de governo nos EUA e oligarcas de tecnologia.

O halving que ocorreu no início do ano ajudou a impulsionar o BTC, como também os projetos Ethereum DeFi que estão sugando bitcoin para cofres inacessíveis na blockchain Ethereum para que o BTC possa render juros para seus proprietários. 

A aceitação geral está aumentando, o PayPal disponibilizando transações em criptomoeda influenciou no impulsionamento do BTC, assim como empresas adicionando bitcoins a seus títulos corporativos, entre outros fatores. 

O bitcoin vale US$ 300 bilhões, apenas dois terços de um Tesla. Mas para investir em criptomoeda é necessário estudar a fundo, e brincar com pequenas quantidades delas, seja em Bitcoin ou Ethereum (ETH), ou outros tokens e moedas. 

De acordo com a Forbes, “o importante é entrar nessas águas quentes e agitadas de investimento. Você pode perder bitcoin nos US$ 40.000, mas não haverá fim para essas oportunidades chegando às criptomoedas e com habilidade e trabalho você pegará quantos forem necessários. Este é apenas o começo. Enquanto isso, Hodl”.

O conselho é para fazer o investimento a longo prazo. Hodlers são aqueles compradores de Bitcoin que não vendem a criptomoeda, independente de como está o mercado. O Hodler acredita no futuro do Bitcoin.

Próxima marca do bitcoin é de 1 trilhão de dólares de capitalização de mercado

Para Safiri Felix, diretor-executivo da Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto), a próxima marca do bitcoin é de US$1 trilhão de capitalização de mercado. 

“Dependendo do fluxo comprador, pode ocorrer em 2021”, estima Felix.  

O diretor-executivo da ABCripto disse que o valor de R$ 94 mil registrado pelo bitcoin no país nesta terça-feira (17/11),  “não é uma surpresa, já que o mercado segue rumo às máximas históricas, em continuidade ao viés de alta aberto desde as mínimas do ano, que ocorreram em março”.  

Leia também: Unick Forex: CVM marca julgamento de sócios da pirâmide que deixou rombo bilionário no Brasil

Curta o Criptonizando no Facebook, Instagram, Twitter e Telegram para ficar por dentro de tudo que acontece no Mercado Cripto.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias